Arquivo de tag primeiros passos

poradmin

5 passos iniciais para investir no exterior

Vejam neste post quais são os 5 passos iniciais para investir no exterior e descubra o quão fácil é!

Quando se fala de investir no exterior muitas pessoas já pensam em dólar, câmbio, barreira do idioma, altas taxas e que é algo para milionários, no entanto, ao longo do texto e de todo o site, vocês verão que não é nada difícil investir no exterior. Claro que se entender inglês vai facilitar a vida mas já existem os tradutores on Line que vai facilitar o serviço.

1 Passo: Defina seu objetivo.

Definir o objetivo é fundamental para iniciar os investimentos no exterior. Sabe aquela história de que se você não sabe onde quer chegar então qualquer caminho serve? Então, é mais ou menos isso. Você deve definir seu objetivo que pode ser complementar renda da aposentadoria, ser a aposentadoria completa, ser apenas uma proteção para seu patrimônio, custear estudos dos filhos no futuro, comprar uma casa, viajar, enfim, pode ser uma infinidade de coisas mas você precisa ter um objetivo definido.

Os objetivos podem mudar conforme o tempo, afinal estamos falando de investimentos a longo prazo e muita coisa podem mudar e afetar o objetivo. O nascimento de um filho, uma grande crise, doenças, morte de parentes são alguns dos exemplos que mudam nossos objetivos de vida.

2 Passo: Defina sua estratégia de investimento.

Não só para investir no exterior como também para investir no Brasil ou para fazer qualquer coisa na vida, devemos planejar antes, sendo assim, você deve definir sua estratégia de investimento.

Podem ser criadas muitas estratégias diferentes e elas podem variar de acordo com o tempo, capacidade de aporte, crises, novos investimentos, novas oportunidades, aposentadoria, desemprego, enfim uma infinidade de variáveis podem mudar sua estratégia de investimentos mas o importante é ter uma.

As estratégia podem partir definindo que tipo de investidor você é. Sabe aquela história de ser conservador, arrojado ou moderado? Então, mais ou menos isso aí só que podemos ir um pouco além e já definir se quer investir em stocks, REIT, bons, Forex, ETF dentre outros tipos de investimentos. Não precisa se desesperar de início, como falei a estratégia sempre muda com o tempo então trace uma de início e com o passar do tempo vai reajustando.

Anote toda a sua estratégia. Não deixe todas as informações na sua cabeça nem no HD do computador, crie um arquivo em uma nuvem como Google Drive e deixe armazenado lá tudo o que planejar para nunca se esquecer e sempre lembrar o motivo pelo qual você está tomando certas atitudes.

3 Passo: Prazo e metas para alcançar o objetivo.

Ter prazo e metas para concluir o objetivo também é fundamental, pois isso faz com que você se cobre dos resultados. Crie um prazo para concluir o objetivo e também metas semestrais e anuais. Metas são indicadores que irão mostrar a você mesmo como está o andamento da sua estratégia.

Quando você não atinge uma meta semestral, deve fazer uma análise de qual motivo levou você a falhar naquela meta e a se superar para que o próximo período você consiga atingir a meta prevista anteriormente. Crie essa cobrança em você mesmo e nunca se engane.

 

Confira também:

Vale a pena investir no exterior?

4 Passo: Escolha em qual banco e corretora abrir conta.

Escolher o banco e a corretora também faz parte dos primeiros passos para investir no exterior, pois você terá o processo de abertura de conta e de transferência de valores. Tenha em mente que será para longo prazo e que ficar pulando de banco ou corretora além de te dar muito trabalho também gera custos.

Algumas corretoras cobram um valor considerável para transferência de custódia e estamos falando de valores em dólar. Estes gastos podemos evitar ao escolher certinho o banco e a corretora. Se a sua estratégia é operar no mundo todo, escolha uma corretora global que opere em diversos mercados. Abrir conta em 3 ou mais corretoras em países diferentes e manter dinheiro em todas elas é trabalhoso e custoso. Se sua ideia é operar apenas nos Estados Unidos, ou somente em stocks, as corretoras mais simples já podem te atender.

5 Passo: Crie uma planilha de controle.

Uma coisa que aprendi ao longo do tempo e com a prática foi que uma boa planilha de controle é fundamental. Eu tenho uma mega planilha que estou sempre acrescentando algo. Ter uma planilha bem elaborada ajuda para mostrar as estatísticas que você desejar. Sabendo utilizar as fórmulas e os gráficos dos programas de planilhas, você pode obter rapidamente os rendimentos do mês, semestre, ano, década, últimos 12 meses além de poder ter gráficos de tudo isso.

Minhas planilhas contêm: gráficos divididos por classe de ativos, rendimentos, dividendos, evolução da carteira mensal, anual, total, yield, yield on cost, valores de venda dos ativos, porcentagens de ganho ou perda e mais algumas outras estatísticas que sempre estou inventando.

Conclusão:

Para iniciar de maneira correta nos investimentos, você deve definir estes 5 passos acima. É muito difícil alguém chegar a algum lugar sem saber onde quer chegar e qual é o plano para chegar lá. Os objetivos e as metas devem ser definidos e checados de tempos em tempos para saber se está indo na direção certa.

Não deixe de acompanhar o site e de comentar sobre suas estratégias. Compartilhe conosco suas opiniões, seus objetivos e estratégias.

Bons investimentos a todos!

 

BPM