Arquivo de tag crise financeira

poradmin

FAANG -M, as maiores empresas de tecnologia

Olá caros investidores!

As maiores empresas de tecnologia são as chamadas FAANG – Facebook, Apple, Amazon, Netflix e Google. Ano passado eu fiz um post falando sobre as FAANG, se você não viu, te convido a clicar no link e dar uma lida. Naquela ocasião as empresas citadas estavam em média 20% abaixo de seu preço teto. Tem excelentes considerações naquele post mas as imagens com os gráficos das ações não estão aparecendo. Peço desculpas, pois quando troquei de servidor algumas imagens perderam-se.

Hoje trago um novo post sobre as FAANG e quero incluir mais uma empresa nesta lista. Que tal incluirmos Microsoft? Se você não viu a empresa de mais de 1 trilhão de dólares que quase ninguém comentou como a Apple, clique aqui. Não deixem de assistir ao vídeo no canal do youtube.

Uma crise à caminho nas FAANG?

Há meses escutamos falar sobre crise. Quem não ouviu frases como: A crise está por vir. Temos vários indicadores de uma crise. O mercado está inflado e temos uma bolha que vai estourar a qualquer momento. Os grandes investidores estão com bilhões líquidos para aproveitar a próxima crise. Dentre várias outras.

Claro que uma crise virá um dia. Já falamos sobre isso aqui no site e também em vídeos no youtube. O problema é que nunca saberemos quando a crise virá e até lá, temos que confiar nos fundamentos das empresas. Neste intuito, novamente vou trazer os gráficos de 10 anos das FAANG fazendo um comparativo com os preços da época.

Como este site é de estudos vamos ver se tivemos um bom retorno desde a última postagem caso tivéssemos comprado as FAANG naquela data. Após 8 meses a crise ainda não chegou e já tivemos 2 trimestres para ver se as empresas cresceram ou não. Os preços anteriores estão na postagem neste link. Relembro que expresso minha opinião e minha visão sobre as empresas. Leiam bastante e tirem as suas e debatam aqui.

Facebook

Facebook se mete em algumas confusões de vez em quando né. Eu não gosto muito do case porque como usuário não gosto muito do Facebook. Acho a plataforma bastante poluída e majoritariamente tem postagens fúteis ao invés de conteúdo útil. Claro que sei que temos que seguir as pessoas certas mas mesmo assim não me agrada muito.

Como falei anteriormente, o FB não proporciona nada ao usuário que produz conteúdo. Além de suas ações não pagarem dividendos, eles não te recompensam por propagandas que você possa fazer. Na verdade o número de contas do FB tem diminuído aos poucos.

Na última postagem FB estava cotada a $140 e hoje está cotada a $195,50. Como não paga dividendos então o ganho total é apenas o ganho de capital. A variação foi positiva em aproximadamente 39%. Ou seja, se você tivesse comprado FB em novembro quando fiz a postagem, teria um pelo ganho hoje.

Facebook

Apple

Apple é uma das minhas queridinhas. A maçã não tem apresentado tantas novidades assim em relação aos seus produtos. O que gosto é que eles têm muito dinheiro em caixa e sabem aproveitar as oportunidades. Há um ano compraram uma empresa de realidade aumentada. Também compraram a Shazam, que é um app de música.

No período de um ano a Apple comprou 7 empresas sendo a última uma empresa que era da Intel e que desenvolve modems para diversos devices, computador pessoal, carros autônomo e para a internet das coisas. Com esta aquisição de 1 bilhão de dólares, a Apple se aprofunda na luta do 5G. Ao todo já são mais de 100 empresas compradas desde 1988. Quem estiver à frente quando esta tecnologia estiver totalmente implantada, poderá ter grandes lucros.

Suas ações em novembro estavam cotadas a $195 e hoje estão cotadas a $210,2, ou seja, um aumento de 7,7%. O aumento foi bem mais modesto que o FB e mesmo se somarmos os dividendos do período ($1,23), chega a 8,5% de aumento. Lembrando que Apple foi a primeira empresa trilionária listada em bolsa apesar de não valer um trilhão hoje.

FAANG

Amazon

Amazon é a loja de tudo né! Gosto da empresa e do case apesar de não ter ações dela ainda. Amazon tem uma história muito interessante que recomendo lerem o livro “A Loja de Tudo”. Jeff Bezos é ousado e muito bom de negócios também.

Apesar de a Amazon não pagar dividendos (se pagasse seria muito pouco), também já chegou a valer mais de 1 trilhão em bolsa. Suas ações são cotadas a um alto valor chegando quase a $2.000 cada. Seus serviços são excelentes e também oferece “recompensas” aos seus afiliados. Bezos já fez excelentes aquisições como a Whole Foods.

Em novembro no último post sobre as FAANG as ações estavam cotadas a $1644 contra $1907 de hoje. Valorização no período foi de 16% aproximadamente. Nada mal também né?!

Faang Microsoft

Netflix

Netflix é um case bem louco. No vídeo que fiz sobre as FAANG + Microsoft vocês podem ver os gráficos e comparar o crescimento animal dela. Eu particularmente não tenhas ações da Netflix, pois nunca achei um ponto sólido de entrada.

Por outro lado, ela tem grandes concorrentes como a Amazon, a Apple e Disney. Já gastou muito produzindo séries como por exemplo House Of Cards e agora reduziu um pouco. Também não paga dividendos. Na minha opinião, ela oferecem um excelente serviço, ou seja, o cliente fica satisfeito. Como cliente mantenho mas como investidor, prefiro as outras.

Em novembro suas ações estavam cotadas a $294 e hoje estão a 330,80. A valorização neste período foi de 12,5% aproximadamente.

FAANG

Google

O Google vai dominar o mundo. É outro case que gosto muito apesar de ainda não ter suas ações. Quem não recorre ao Google para qualquer dúvida na vida? E quem não gosta do YouTube? Eu particularmente não tenho TV a cabo e só uso YouTube. Lá vejo tudo o que quero inclusive jornal ao vivo.

Google é outra empresa que vive comprando empresas menores. Com uma única conta você tem acesso a diversos serviços como um drive na nuvem, editor de blogs (blogger), e-mail dentre outros. Já comentei aqui no site que estive no Google em 2014 e eles já tinham um carro autônomo, ou seja, daqui a pouco eles lançam ao mercado.

Apesar de não pagar dividendos, Google trouxe um excelente crescimento aos seus acionistas. Em novembro suas ações estavam cotadas a $1045 contra 1236,60 de hoje. A valorização é de aproximadamente 18,5%.

GOOGLE

Microsoft

Bom, as FAANG são as mencionadas acima mas eu sempre me pergunto por quê Microsoft não entra nesse acrônimo? Já vi pessoas comentando de Tesla e NVidia entrarem mas Microsoft, nada. Pois bem, como vocês devem ter visto em post anteriores e vídeos, Microsoft hoje é a única empresa que está acima de 1 trilhão de dólares em valor de mercado.

A empresa divulgou balanço recentemente com um belo aumento em seus serviços. O lucro continua crescendo e pelo que andei lendo, a perspectiva é de mais crescimentos. Microsoft paga dividendos praticamente igual a Apple. Em termos de eficiência, ainda assim a Apple faz menos força para fazer lucro do que Microsoft.

No último post sobre as FAANG eu não mencionei a Microsoft. Hoje suas ações estão cotadas a $141 mas em novembro estavam $105, ou seja, uma rentabilidade de aproximadamente 34% sem contar dividendos. É outro case que gosto mas não estou dentro ainda.

Microsoft

Comparativo entre FAANG e MSFT

No vídeo também trouxe um comparativo entre as maiores empresas de tecnologia em relação a alguns múltiplos. Veja a análise completa no youtube e aqui trago uma imagem com uma tabela.

ações da apple

E se você tivesse comprado FAANG + Microsoft em novembro?

Como estou fazendo um estudo de caso das FAANG e incluindo a Microsoft, agora é hora de saber como uma carteira composta por essas empresas teria se comportado de novembro de 2018 até julho de 2019. Então na tabela abaixo apresento o resumo dos preços de novembro e de hoje.

StockCompraVenda
FB140,00195,50
AAPL195,00210,20
AMZN1644,001907
NFLX294,00330,80
GOOG1045,001236,60
MSFT105,00141
Total3423,004048,10

Resumindo, caso tivéssemos comprado as FAANG mais a Microsoft em novembro de 2018, hoje teríamos rendimento médio de 18,2%. Portanto, se dividirmos por 8 meses, chegaremos ao total de 2,27% ao mês. Para um momento em que esperamos uma crise, esta rentabilidade até que não está nada mal né?!

Conclusão

Mais uma vez podemos perceber que não dá para ficar operando notícias né?! Vimos ai que desde novembro de 2018, ou seja, há 8 meses, ouvimos falar em crise mas as ações subiram de preço. Todas as empresas que compõe as FAANG tiveram boa valorização como por exemplo, em destaque o Facebook e a Microsoft.

Inclui Microsoft ao grupo porque é uma outra empresa de tecnologia com grande crescimento e com valor de mercado de mais de um trilhão de dólares. Também paga dividendos como a Apple enquanto as demais FAANG não pagam.

Não fiquem ouvindo sobre boatos de crise. Analisem o comportamento das empresas e façam seus investimentos aos poucos. Caso a crise chegue, vocês poderão comprar boa empresas a preço melhores. Mas se não chegar, ainda tem a possibilidade de já receber bons dividendos e ter uma boa rentabilidade.

Bons investimentos!

poradmin

Onde investir para se proteger de uma crise

Ola caros investidores!

Muitas pessoas tem falado em crise. Daí surge a dúvida de onde investir para se proteger de uma crise? Ouço falar em crise desde 2016. Já estamos em 2019 e até agora a crise não chegou. Será que ela chegará? Sim, ela chegará. Quando? Não sabemos! Na minha opinião Mr. Trump não via querer que haja uma crise em seu governo então vai batalhar muito para isso não acontecer. A reeleição depende disso.

Nunca saberemos exatamente quando uma crise acontecerá. Podemos examinar várias métrica mas uma crise não é igual a outra. A última grande crise que tivemos foi em 2008 quando houve a crise do subprime. Se você não sabe exatamente o que aconteceu, sugiro assistir o filma “A grande aposta”. Os caras previram uma crise que aconteceu 3 anos depois. Naquela época, poucos pensavam em onde investir para proteger de uma crise. O crédito estava liberado à torto e à direita.

Deixando de lado quando a crise vai acontecer, temos que pensar no que fazer durante uma crise. Antes da crise chegar também temos que tomar algumas medidas de proteção. Vários gestores de grandes fundos têm bastante dinheiro em liquidez para aproveitar esses momentos de baixa e você não pode ser muito diferente deles.

Comece a fazer um pequeno caixa

Se você realmente acha que uma crise está próxima então você precisa fazer um caixa para aproveitar oportunidades. Na minha opinião não precisa deixar de aportar até que uma crise aconteça. Até conheço pessoas que estão aguardando a crise para voltarem a investir. Isto é ruim porque você pode perder algumas boas oportunidades.

Uma sugestão é guardar 50% do seu aporte e investir os outros 50%. Pode colocar esse dinheiro em um Tesouro Selic por exemplo ou então em um CDB com liquidez diária. Ou se achar que a crise está tão perto assim, pode deixar na conta mesmo.

Fato é que quando a crise vier, você tem um dinheiro em caixa para aproveitar algumas oportunidades. Se um ativo começar a cair, provavelmente vai começar a cair rápido. Com dinheiro em caixa você vai aproveitando para comprar cada vez que tiver uma boa baixa. Não precisa comprar tudo de uma vez, vá aos poucos.

Onde investir para se proteger de uma crise

Existem alguns ativos onde você pode investir para se proteger se uma crise. Veremos alguns deles. Devo alertar que não é nenhuma recomendação de compra nem garantia de que você não sofrerá com uma crise. Apenas vou apresentar algumas opções onde a correlação pode ser negativa com uma grande queda.

Investindo em ETF

Uma das maneiras de ter uma exposição menor ao S&P500 é comprando alguns ETF. Se você ainda não tem familiaridade com os ETF, assista o vídeo onde mostro os principais gestores e onde buscar algumas informações.

Um deles é o XLP Consume Staples. Consume Staples é composto por coisas que precisamos no dia a dia. Compões essa lista, comidas, bebidas, produtos de higiene e até alguma coisa de álcool. Esse tipo de consumo as pessoas não estão muito dispostas a cortar e demoram a cortar, caso precisem.

No gráfico abaixo, na linha azul, podemos ver como o XLP se comportou desde 2006 até hoje. Já a linha roxa é a variação do S&P500. Reparem no círculo vermelho como XLP se comportou durante o período de crise. É uma oportunidade caso não queira ficar de fora do mercado.

onde investir para se proteger de uma crise

Falando um pouco de XLP, abaixo vemos a imagem com alguns produtos que compõe a lista. Primeiro temos os 10 maiores setores e depois temos as 10 maiores empresas com seus percentuais. Alguém para de tomar coca cola durante uma crise? Deixa de ir ao Walmart?

ETF xlp

Veja também a empresa que superou a Apple em valor de mercado passando de 1 trilhão de dólares

Investment Grade Bonds

Bonds são so nossos Tesouro Direto. É um investimento mais conservador e como estamos falando de proteger-se em um momento de crise, pode ser interessante deixar algum dinheiro com a garantia do governo. Reparem na imagem abaixo um comparativo entre o S&P500 e o ETF da iShares LQD. Percebam que a variação foi bem diferente e o LQD ficou bem estável durante a crise.

bonds para se proteger de uma crise

Na imagem abaixo podemos ver o crescimento do LQD desde seu lançamento. Reparem na variação durante a crise, apontada pela seta preta. No longo prazo, ou seja, desde 2002, o ETF teve excelente performance. O gráfico mostra uma simulação de um investimento de $10.000 desde seu lançamento.

ETF de bonds

Investir em Ouro contra a crise

O ouro é ouro né. Vários países como a China estão aumentando suas reservas de ouro. Em momentos de crises, em momentos em que as moedas podem não valer muito, o ouro sobe bastante. É a única moeda de troca que não perde valor. Mas não é simples comprar ouro.

Existem muitos ativos atrelados ao ouro mas não possuem o ouro físico. Imagine você ter que guardar umas 10 barras de ouro na sua casa? Imagine o risco que isso pode ser? Então, provavelmente você terá que colocar em algum lugar seguro e para isso, terá que pagar. Lembrando que ouro não paga dividendos. Tudo isso tem que ser pensado.

reserva em ouro

Na imagem acima podemos ver o ETF GLD seguido do S&P500 na linha roxa. Percebam o crescimento do ouro quando a crise começou. Vejam como o GLD descolou-se do S&P500. Então, se você acha que a crise está chegando, comece a pensar em compra ouro. Se pretende compra, então corra porque ele já subiu bastante nos últimos dias.

Para finalizar, observem no gráfico abaixo o GLD comparado com nosso dólar, ou seja, o USD/BRL. A linha roxa representa o USD/BRL. Vejam que, desde meados de 2005, o GLD rendeu mais de 170% enquanto o USD/BRL pouco mais de 52%.

como se proteger de uma crise

Conclusão

Onde investir para se proteger de uma crise é uma grande dúvida. Não há como se proteger 100% contra uma crise mas há opções que possuem menor volatilidade no momentos de grandes quedas. Identificar algumas dessas opções é o que vai minimizar a variação negativa da sua carteira.

Existem outras maneiras de investir para se proteger de uma possível crise mas tratarei em outro post. Temos também alguns ETF que operam vendido no índice e alavancado, ou seja, SP500 cai, o ETF sobe. Mais ou menos o que aconteceu no filme “A Grande Aposta” e você pode alavancar várias vezes.

Se você acha que a crise está bem pertinho, o que pensa de se segurar em uma dessas dicas?

Bons investimentos a todos!